Joachim Rønneberg

Morreu ontem, aos 99 anos, Joachim Rønneberg, o herói norueguês cuja acção, em 1943, enquadrado num grupo de resistentes, conseguiu desarticular a produção de água pesada, pelos nazis, necessária ao fabrico da bomba atómica.
Deste episódio da II Grande Guerra foram realizados dois filmes e (julgo) publicados dois livros. O filme de 1965 foi protagonizado por Kirk Douglas. O livro que saiu pela mesma altura do filme tem por título «Os Heróis de Telemark», da autoria de Knut Haukelid, também ele um dos heróis de Telemark. A capa do livro é do pintor Lima de Freitas (de uma época em que os artistas faziam capas para livros), edição Livros do Brasil.

A estátua de Joachim Rønneberg foi erguida na cidade de Ålesund, Noruega. A fotografia ao lado do livro refere-se à fábrica onde era produzida a água pesada para o fabrico da bomba atómica, que Joachim, Haukelid e os companheiros desarticularam.