A inveja e o incómodo

Screen-Shot-2017-09-21-at-3.25.08-PM

– Que pensa, Fanny? Isto não é o Paraíso, nem uma estufa com begónias tuberosas. É o campo com gente rude, invejosa e miserável. Trabalham obrigados, queixam-se de tudo, entornam a comida no chão quando não lhes agrada. Nem sei se sofrem. Morrem como animais numa corte, em cima de um bocado de palha. As velhas pedem esmola até aos cem anos. Conheci uma que vinha do Marco (de Canaveses) a pé todas as sextas-feiras e falava dos tempos de rapariga. Sabe do que falava, essa velha? Do primeiro incómodo (menstruação) que teve, aos doze anos. Foi a coisa mais bonita que lhe aconteceu; parecia, ao ouvi-la falar.

Agustina Bessa-Luís, “Fanny Owen”